Perdemos para o mosquito!

Share Button

O vencedor da vez é o Aedes Aegypti.

Esse ano tivemos a maior epidemia de Dengue da história, mais de 1.5 milhão de casos de dengue registrados, meu filho e minha esposa engrossaram essa estatística, foram mais de 800 mortes associadas, um aumento estonteante de 3X em relação a 2014.

Além da dengue temos ainda a febre chikungunya, “importada” da África e muito bem adaptada ao nosso clima tropical e a proliferação de mosquitos local. Essa doença, ainda que não seja tão mortífera quanto a dengue, causa enormes prejuízos por afastamento laboral, afetando especialmente os mais velhos.

Para completar a tríade, ainda temos o Zika vírus, que está destruindo a vida de centenas de crianças ao causar microcefalia, são mais de 700 casos confirmados de gestantes que irão parir crianças com essa condição e que afetará negativamente a vida delas, sem contar os mais de 1700 casos ainda não confirmados.

A falta de educação dos brasileiros contribui para esta situação, mas a incompetência estatal é uma das principais causas disto, não há dúvidas.

Falta inseticida para combater o mosquito, sem contar a falta de água em várias regiões do país, que obriga as pessoas a estocarem água em casa, muitas vezes de forma inapropriada, aumentando em muito o número de criadores do mosquito, falta também uma política pública séria de combate ao Aedes Aegypti. Tudo isso aliado ao clima tropical é um cenário perfeito para a goleada que estamos sofrendo do mosquito.

O ano ainda não acabou, a temporada de chuvas chegou e esses números irão piorar, antes que os fogos que anunciam a chegada do novo ano explodam nos céus.

Ano que vem promete ser ainda pior. Preparem-se!

Escrito por Zé Mané

banner-assine

AVISO AOS 'J'ÊNIOS DE PLANTÃO
As opiniões expressas pelos autores e leitores são de inteira responsabilidade dos mesmos e não refletem, necessariamente, a opinião do Canal do Otário.

Assinantes do site tem descontos especiais na loja! Bronze (5%), Prata (10%), Ouro (20%) e VIP (30%)! Saiba mais, clique aqui - Dispensar