O Rei da Papelaria a caminho do Conselho de Ética

Share Button

Desde o mês de setembro passado a OPS tenta contato com os responsáveis pelo gabinete do deputado federal Eudes Xavier (PT/CE), carinhosamente chamado por mim de “O Rei da Papelaria”.

Conforme foi publicado aqui mesmo no Canal do Otário, o deputado efetuou compras de material de escritório em quantidades astronômicas e impossíveis de serem utilizadas em toda uma legislatura, quanto mais em três ou quatro meses. Além disso, ainda tem o fato de a loja escolhida pelo parlamentar não abrir suas portas ao público, segundo informações que a OPS obteve de moradores da região onde está localizada a papelaria.

Em uma primeira tentativa, eu pedi aos que me assistem no YouTube, aos que leem meus artigos aqui, no meu blog e também na minha coluna no Congresso em Foco, que enviassem e-mails ao deputado exigindo explicações destes estranhos gastos efetuados com dinheiro público. Infelizmente, ninguém se honrou em responder.

A segunda tentativa ocorreu dias depois após a OPS conseguir, em apenas uma semana, fazer um abaixo assinado com 2105 assinaturas exigindo a mesma coisa, ou seja, explicações. Novamente, sem nenhum remorso aparente, o deputado e assessores mantiveram-se calados.

A terceira tentativa de comunicação foi realizada através de inúmeros telefonemas ao gabinete, mas em nenhum deles obtive qualquer tipo de explicação.

Restou-nos então apelar para o Conselho de Ética da Câmara Federal. Conforme determina a lei, qualquer cidadão deste país pode exigir que seja apurado possível quebra do decoro parlamentar. Com o apoio jurídico da advogada da OPS, Dra. Camila Albuquerque, que elaborou o documento, no dia 19/11/14 eu fui à Câmara e protocolei o documento. Você pode lê-lo aqui.

Segundo informações prestadas pela servidora da Câmara, o processo será encaminhado ao departamento jurídico que analisará toda a documentação. Se este departamento achar que há fundamentos para a denúncia, uma demanda é aberta no Conselho de Ética que irá apurar o caso. Em última consequência, o deputado pode ter seu mandato cassado.

Porém, sem obter êxito nas eleições deste ano, o deputado Eudes Xavier deixará a Casa e isso deve dificultar ou até impossibilitar que ele seja punido pela Câmara Federal. Diante disso, resolvi também entrar com uma Ação Pública contra o deputado na esperança de que os valores utilizados para o pagamento das três suntuosas compras retornem aos cofres públicos.

No vídeo abaixo você poderá ver a entrega do documento na Secretaria Geral da Mesa da Câmara Federal.

Escrito por Lúcio Big

patreon_big

Sobre Lúcio Big

Lúcio Big, jornalista (MTE nº 0010764/DF), ativista no combate à corrupção e músico nas horas vagas.

5 comentários

  1. Continue engajado, fazendo esse excelente trabalho.

  2. Lúcio, parabéns pelo excelente trabalho.

  3. EU TINHA UM TERRENO, UM DIA PLANTARAM QUIABO NESSE TERRENO, MEU VIZINHO, PLANTARAM PARA NÃO PARECER ABANDONADO PORQUE EU DEMORAVA A APARECER, UM DIA DECIDI ARRANCAR OS QUIABOS, QUANDO VOLTAVA LÁ TAVA CHEIO DE QUIABO NOVAMENTE…ESTE PAÍS ME LEMBRA MEU TERRENO, VOCÊ TIRA UM LADRÃO MAIS ELES PARECEM QUIABO…VOCÊ TIRA UM E BROTAM AOS MONTES OUTROS LADRÕES, E DE ÚTIL VIRÃO UMA PRAGA PARA O PAÍS…E UMA PRAGA SEM NENHUMA VERGONHA NA CARA.

  4. Ver esse exercício tão penoso dar um resultado tão lento as vezes deve ser frustrante. Mas inspirador, acredite. Parabéns a você e os colaboradores da OPS pela empreitada.

Assinantes do site tem descontos especiais na loja! Bronze (5%), Prata (10%), Ouro (20%) e VIP (30%)! Saiba mais, clique aqui - Dispensar