Molho de tomate ou molho bom?

Share Button

Molho de tomate pronto, miojo, nuggets, maionese, salsicha e bebidas lácteas cor de rosa, entre muitos outros itens do supermercado, são o paraíso de quem não tem muita grana e ainda não se interessou em aprender a cozinhar (pelo menos o básico do básico). A indústria alimentícia lucra muito em cima de quem não sabe.

Molho de tomate pronto é muito barato. E fácil e usar. Você abre o pacote, aquece no micro-ondas e joga na macarronada. Só que esse almoço fácil pode aumentar bastante seu consumo de sódio se você não se preocupar em escolher um molho minimamente natural, sem aditivos e com pouco sal (que existem; basta procurar e pagar mais caro). Nesse aspecto, polpas e extratos são mais saudáveis que a maioria dos molhos prontos. Mas você só vai entender a diferença se prestar atenção no que dizem as embalagens.

Apelar sempre para o industrializado, sem prestar atenção aos detalhes, significa confiar sua sobrevivência a uma indústria que não faz a menor questão de que você aprenda a comer melhor.

Eu (Francine Lima) fiz um vídeo para evidenciar algumas diferenças entre um molho de tomate caseiro e os industrializados. Confira a seguir:

Espero que, depois de ver o vídeo, você saiba escolher melhor os produtos feitos a base de tomate no supermercado. Ou então, resolva experimentar fazer molho caseiro a partir de tomates frescos mesmo.

Boas compras!

Escrito por Francine Lima

patreon_Fra

Sobre Francine Lima

Sou jornalista e acredito que informação clara, transparente e sem conflitos de interesse sobre nosso sistema alimentar pode contribuir para a construção da cidadania. Você é o que você sabe sobre o que come.

20 comentários

  1. Francine Lima, deseja fazer um vídeo com o Otário? Tipo respondendo perguntas em uma live? Seria épico!

  2. muito bom! já assisti todos os vídeos do seu canal :)

  3. Parabéns, ótimo vídeo!

  4. eahueaheau, ri numa parte ali ó. Excelente vídeo, matéria muito bem elaborada e resumida – para que todos entendam. Ganhou um seguidor.

  5. Francine Lima e Canal do Otário = parceria perfeita!

  6. Sensacional Otário, parabéns pela parceria… Caiu como uma luva esse vídeo da Francine, tudo que é em prol do consumidor tem a marca do Otário, muito bom!

  7. Nessa vida corrida é difícil evitar comidas processadas, mas vale a pena pra que a vida não passe muito rápido.

  8. Ja conhecia os vídeos da Francine pelo youtube.., Acho ela muito inteligente e objetiva e te muito potencial de elaboração naquilo que faz e realmente seria uma parceira de grande potencial para o otário nessa empreitada. ambos tem meu apoio !

  9. Voce e LINDAAAAA

  10. O açúcar não corrige a acidez, só mascara o sabor. Pra isso, usem um pouco de bicarbonato de sódio. De resto, ótima matéria!

  11. Só faltou ensinar a fazer o molho.

  12. Pra mim (como tecnólogo em agroindústria e futuro cientista de alimentos) não é a industrialização e os processos de industrialização o problema. Esses alimentos são necessários para se obter alimentos mais adequados ao dia a dia e mais baratos (ou alguém acha que orgânicos algum dia vão conseguir competir em preço com os processados?). O maior problema é a falta de informação e costume das pessoas. Elas simplesmente pegam o produto industrializado, socam na comida e nem ao menos olham a receita e a tabela nutricional pra saber o que estão comendo. Ter mais vídeos e reportagens ensinando a ler a receita e a tabela nutricional ajudaria muito.

    E Jonas… a discussão é justamente sobre o excesso de sódio e tu vem falar sobre colocar bicarbonato de SÓDIO? auehuaeheuheauehuehea!!!!

  13. Uma informaçao curiosa, não eh o açúcar que corrige a acidez, so engana o sabor. O que corrige a acidez, químicamente falando, eh adicionar uma pitada de bicarbonato de sódio, vendido em mercados. Mas eh bem pouco que devemos adicionar, uma leve pitada…

  14. Os alimentos são seguros para consumo, mesmo tendo pedaços de insetos, e o sódio é que faz mal. Ok.

  15. Muito bom, parabéns! Só não entendi o porquê de falar tão mal do Ajinomoto (o Glutamato, que é feito de cana-de-açúcar). Como o Ajinomoto realça o sabor e tem menos da metade do sódio do sal de cozinha, médicos já me recomendaram cortar o sal pela metade e completar com o dito-cujo, ou substituir o sal completamente pelo Ajinomoto, para controlar a Hipertensão. :)

  16. Eh verdade o negocio q amanda falou… dah a antender que o ajinomoto eh muito ruim, mas eh o contrario… eh bom colocar no lugar do sal

  17. se você calcular tudo, os valores nem são tão absurdos assim… e agrotóxico infelizmente não há como fugir deles, acho que não podemos pensar em fazer nada disso em casa, um solução mais inteligente seria investimento em pesquisa para remover esses pontos negativos dos produtos industrializados, não usar industrializado não é uma alternativa.

  18. Parabens pela iniciativa, precisamos de pessoas assim para esclarecer a população. quanto a quem falou no ajinomoto, ou seja, glutamato monossódico, o problema dele não é o sódio, e sim, é uma substância cancerígena….

  19. Escreva uma reportagem sobre a VERDADEIRA MAIONESE vendidas nos supermercados, onde todas contém ÁGUA, GOMA CHANTANA PRA ENGROSSAR O CALDO, CORANTE, ÁCIDOS DE TODO TIPO, ESPESSANTES, CORANTES, VENENOS DOS MAIS DIVERSOSTEORES DE TOXIDADE POSSÍVEL
    Sds
    Nívio Abrão Meneghini

  20. O livro Relatório Órion ajuda bastante q quem interessar.

Assinantes do site tem descontos especiais na loja! Bronze (5%), Prata (10%), Ouro (20%) e VIP (30%)! Saiba mais, clique aqui - Dispensar