A deputada Magda Mofatto (PR-GO) preferiu o silêncio e acabou sendo denunciada no Ministério Público Federal

Share Button

Quando uma pessoa resolve entrar para a política, ela passa automaticamente da condição de um ser anônimo para um ser público. Essa mudança vem acompanhada de uma regra básica: ser transparente.

Um político que, invariavelmente, tem acesso ao dinheiro público e muitas vezes o utiliza, deve ter como regra básica prestar conta de tudo o que é gasto do erário de todos nós. Mas, infelizmente, muitos daqueles que são eleitos adotam uma prática nefasta, a de ignorar aquilo que não lhes convém.

A deputada federal Magda Mofatto (PR-GO) demonstrou ser mais uma integrante deste time de políticos embaçados que circulam diariamente (apenas alguns dias por semana) nos corredores acarpetados do Congresso Nacional. A Operação Política Supervisionada (OPS) encontrou "possíveis" irregularidades em alguns de seus gastos com a verba indenizatória. São alugueis e demais despesas concernentes de uma mansão na capital de Goiás, que deveria abrigar apenas o seu escritório de representação política, mas que na verdade abriga também o diretório estadual de sua sigla. [entenda o caso]

Como parte de seu trabalho social, a OPS organizou um "e-mailzaço" com a finalidade de exigir da deputada a devolução dos R$ 450 mil gastos irregularmente no imóvel. Depois de uma semana recebendo emails, o silêncio da parlamentar continuou indefectível, obrigando a Operação Política Supervisionada a dar um passo a mais.

No dia 02 de julho, Magda Mofatto foi denunciada no Ministério Público Federal pela possível utilização irregular do dinheiro público a que seu gabinete na Câmara Federal tem direito. Atualizando os valores, a OPS encontrou R$ 490.277,43 de gastos na mansão, no período em que seu marido, Flávio Canedo, preside o partido.

Magda se junta a outras dezenas de deputados federais e senadores denunciados pela Operação que permanece ativa na busca de incentivar o maior número de pessoas a se tornarem fiscais públicos, fomentando o tão desejável e imprescindível "Controle Social".

No vídeo abaixo, você assistirá a denúncia sendo feita no Ministério Público e também um desabafo deste que aqui vos escreve.

Escrito por Lúcio Big

Doe para a OPS, clique aquiDoe para a OPS, clique aqui

AVISO AOS 'J'ÊNIOS DE PLANTÃO As opiniões expressas pelos autores e leitores são de inteira responsabilidade dos mesmos e não refletem, necessariamente, a opinião do Canal do Otário.

Assinantes do site tem descontos especiais na loja! Bronze (5%), Prata (10%), Ouro (20%) e VIP (30%)! Saiba mais, clique aqui - Dispensar