Balanço parcial do uso da verba indenizatória

Share Button

Contrariando a lei, a moral e a paciência de todos nós brasileiros, deputados e senadores continuam torrando dinheiro público sem licitação. Da maneira mais simples possível, os nobres parlamentares usam o dinheiro da verba indenizatória para pagar por despesas que vão de questionáveis a absurdas.

Teve deputado que pagou num único almoço, a módica quantia de R$ 1,5 mil. Outros "representantes do povo" contrataram canais exclusivos de futebol e de putaria e deram as contas para a Câmara (nós) pagar. Teve senador que alugou veículos por valores acima do praticado na praça e ainda se achou no direito de arrotar moral.

Enfim, a verba indenizatória é uma aberração política e que precisa ser sangrada até a morte urgentemente. Até mesmo o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, se diz contra a maldita. Mas apesar de contra, a utiliza em abundância.

Abaixo estão alguns valores que mostram a dimensão do estrago que esta verba é capaz de fazer. O período de apuração é de fevereiro de 2015 à julho de 2016.

Juntos, Câmara e Senado já gastaram R$ 339,58 mi.

Gastos totais por parlamentar (os dez maiores gastadores da Câmara)

GAST_CAMARA

Gastos totais por parlamentar (os dez maiores gastadores do Senado)

gast_senado

Gastos totais por rubrica

RUBRICAS

Escrito por Lúcio Big

torne_se_patreon2

AVISO AOS 'J'ÊNIOS DE PLANTÃO
As opiniões expressas pelos autores e leitores são de inteira responsabilidade dos mesmos e não refletem, necessariamente, a opinião do Canal do Otário.